Escolha sua rádio favorita
Rádio on-line!
MISTURADÃO
MARCO ANTONIO
Após fim da Série B, Inter define o saletense Odair Hellmann como técnico para 2018
Esporte | 27/11/2017 16:24 | Globo.com | Fotos:

Nem Abel Braga nem Roger Machado. O técnico do Inter para 2018 será Odair Hellmann. Após a vitória por 2 a 0 sobre o Guarani, neste sábado, no Beira-Rio, o vice de futebol Roberto Melo confirmou a efetivação do então auxiliar-técnico para a próxima temporada. O anúncio foi feito pelo dirigente logo após a partida:

– Trabalhei com ele desde a base, sei da qualidade, tem total confiança. Já trabalhou com grandes treinadores, Dunga, Abel, Diego Aguirre. Aprendeu muita coisa boa e acho que está preparado para esse momento.

O dirigente elogiou a metodologia de Odair e capacidade de remobilização que o treinador teve perante ao grupo. E, num comparativo, lembrou de outros treinadores com esse perfil emergente, como Zé Ricardo, Jair Ventura e Fábio Carille.

– Odair é identificado com o Inter, vem se preparando há muito tempo. É um profissional que tem o total respeito dos atletas. Os treinadores hoje com maior evidência não tem esse perfil cascudo. Se a gente ver o campeão brasileiro, não tem esse perfil: o Carille. O Jair Ventura também era auxiliar há pouco tempo . O Zé Ricardo vem tendo destaque e também era auxiliar – completa.

De "tampão" a efetivado

Odair assumiu o Inter nas últimas três rodadas da Série B, após a demissão de Guto Ferreira. Na primeira partida, garantiu o acesso para a Série A ao empatar com o Oeste, na Arena Barueri. Depois, conseguiu superar Goiás e Guarani, respectivamente, ambos por 2 a 0. Ou seja, terminou invicto, sem sofrer um gol sequer.

– Odair já tinha conhecimento que seria o treinador. A decisão foi amadurecendo. Pelo que vem fazendo, pelo respeito que tem dos atletas, dos treinadores que passaram por aqui, o quanto ajudou a todos – acrescenta o dirigente.

O objetivo da direção era contratar um treinador experiente e capaz de gerir o grupo colorado. Os nomes mais cotados eram Roger Machado e Abel Braga. O primeira acertou com o Palmeiras. Já Abel indicou sua permanência no Fluminense, após recuo nas tratativas com o Inter.

Embora Odair tenha perfil de aposta – assim como seus antecessores, Guto Ferreira e Antônio Carlos Zago –, é um profissional querido no vestiário e conta com apoio dos jogadores.

Estágio no PSG

O novo treinador já tem compromisso para dezembro. De férias, usará o período para adquirir conhecimento. Viajará para a França no qual fará um estádio no poderoso Paris Saint Germain, de Neymar, Cavani e cia.

– O que interessa é que ele tenha condições de fazer um bom trabalho. Vale ressaltar o papel que Odair teve na conquista de um ouro olímpico inédito, era auxiliar do Rogério Micale. Vai fazer agora o curso da CBF. E também tem programada uma semana de observações no PSG através do Neymar – comenta Roberto.

Odair terá como cicerone no clube da capital francesa ninguém menos que Neymar, estrela maior do futebol brasileiro. Eles estiveram juntos na campanha vitoriosa do ouro olímpico no Rio de Janeiro, em 2016. O profissional colorado foi chamado por Rogério Micale para também atuar como auxiliar. Deste período, conquistou a amizade do camisa 10 do PSG.

FOTOS

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
Publicidade
Avenida Nereu Ramos, 226 - Centro - Taió - Santa Catarina - 89190-000 || Fone/Fax: 47 3562-0139 || E-mail:comercial@radio1047.fm.br
2016 Rádio 104,7 FM, Todos os Direitos Reservados.