Escolha sua rádio favorita
Rádio on-line!
ACORDA AÍ
CLÉDSON
Deputado Valdir Colatto quer empenho do Governo com as questões do milho.
Geral | 14/03/2018 08:25 | Assessoria de Comunicação | Fotos:

Diversas preocupações com o setor suinícola brasileiro foram tema de uma reunião na tarde desta terça-feira (13/03), no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em Brasília. O deputado federal Valdir Colatto (MDB-SC), juntamente com membros da Frente Parlamentar da Suinocultura, cobrou do secretário de Política Agrícola, Neri Geller, providências para que a cadeia não seja ainda mais prejudicada. 

Três temas nortearam as reivindicações: o embargo russo à carne suína brasileira, a cotação da saca de milho e o endividamento dos produtores. Para Colatto, é fundamental que o Governo se empenhe em buscar mercados para exportar a produção e viabilize crédito para financiamento da produção. “É preciso também, garantir que sejam construídos novos armazéns para estocagem dos grãos”, complementou o deputado catarinense. 

O setor iniciou o ano diante de um embargo russo à carne suína brasileira, principal destino do produto, representando 38% de nossas exportações no último ano. O fechamento deste mercado influencia diretamente nos preços do suíno no mercado interno, uma vez que o excesso de oferta pressiona os preços para patamares que na última semana chegaram a R$ 2,80 por kilo em Santa Catarina e no Paraná, e a R$ 2,55 no Mato Grosso.

Contribuindo para este cenário de prejuízos ao produtor, está o aumento na cotação da saca de milho diante da quebra de safra de grãos na Argentina, estiagem em regiões do Rio Grande do Sul e aumento das exportações.

O deputado federal Valdir Colatto destacou ainda que é preciso garantir o cumprimento das regras estabelecidas no Manual de Crédito Rural (MCR) que tratam da prorrogação automática das dívidas dos produtores, contraídas após a grande crise que afetou o setor em 2016. “As parcelas destes custeios já venceram ou vencem nos próximos meses e se torna urgente a prorrogação ou renovação automática para 2020. Não podemos permitir que mais suinocultores deixem a atividade por falência”, concluiu.

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
Publicidade
Avenida Nereu Ramos, 226 - Centro - Taió - Santa Catarina - 89190-000 || Fone/Fax: 47 3562-0139 || E-mail:comercial@radio1047.fm.br
2016 Rádio 104,7 FM, Todos os Direitos Reservados.