Escolha sua rádio favorita
Rádio on-line!
PROGRAMAÇÃO ON LINE
ON LINE
Câmara de Taió analisará Lei de Diretrizes Orçamentárias este mês
Politica | 02/10/2019 10:44 | Assessoria de Comunicação | Fotos:

A Lei de Diretrizes Orçamentárias, LDO, que define as prioridades da administração pública para o próximo ano, deve ser analisada pelos vereadores de Taió nas próximas semanas. O texto principal, sem anexos, possui 52 artigos, distribuídos em 16 páginas e nove capítulos, dos quais o mais extenso é o que define as diretrizes para elaboração e execução dos orçamentos do município e suas alterações.

Com a discussão da LDO na Câmara de Vereadores será possível, por exemplo, avaliar a expectativa de receita do Executivo para o próximo ano, se é maior ou menor que o ano anterior, e o volume de recursos destinados a áreas como Saúde, Educação, Obras Públicas, entre outras.

 

Na prática, a LDO segue as regras do Plano Purianual (PPA), elaborado em 2017 e válido até 2021. Depois de aprovado na Câmara, o texto volta à prefeitura que escolhe onde aplicar os recursos através de outro projeto, a Lei Orçamentária Anual (LOA), que também é enviado para apreciação dos vereadores.

 

De acordo com a Lei Orgânica do Município, o prazo para tramitação da LDO está entre os meses de setembro e outubro. Após parecer da Comissão de Justiça e Redação, o projeto vai para primeira discussão, em sessão aberta ao público e transmitida ao vivo pelo canal da Câmara de Vereadores no Youtube.

 

 

 

Sete projetos aprovados

 

Os vereadores de Taió dispensaram a redação final dos quatro projetos de lei aprovados em segunda discussão na noite da última segunda-feira, dia 30. Assim, os textos seguem já esta semana para a sanção ou veto do prefeito Almir Reni Guski.

 

Entre os projetos aprovados, os vereadores autorizaram a concessão de uso de equipamentos do município para o Corpo de Bombeiros. Outra proposta prevê alterações no setor de Tributação da prefeitura, com novas diretrizes para o trabalho de ambulantes no município, tema de reuniões entre representantes do comércio e vereadores, e que entram em vigor em 90 dias.

 

Como havia três projetos em redação final, no total foram aprovados sete projetos, sendo seis do Executivo e um do Legislativo, que autoriza Sessão Solene em homenagem aos 60 anos da instalação da comarca de Taió, todos aprovados sem divergência entre os vereadores.

 

A pauta incluiu ainda duas moções de aplausos e dois requerimentos. Com parecer favorável da Comissão de Justiça e Redação, apenas um projeto será votado na próxima sessão ordinária, prevista para o dia 7, que trata da criação do Espaço Cultural Professora Leonice B. Gerber.

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
Publicidade
Avenida Nereu Ramos, 226 - Centro - Taió - Santa Catarina - 89190-000 || Fone/Fax: 47 3562-0139 || E-mail:comercial@radio1047.fm.br
2016 Rádio 104,7 FM, Todos os Direitos Reservados.